quinta-feira, 16 de agosto de 2012

China Parte 4: A vida dos camponeses e dos nobres no período Chou (Zhou)

A sociedade chinesa dividia-se em dois grupos principais: camponeses e nobres. Entre eles havia grandes diferenças.

♦ Os nobres

Os nobres eram os proprietários das terras e viviam da exploração do trabalho dos camponeses. Eles se organizavam em clãs, ou seja, grupo de pessoas que que descendiam de um ancestral comum. Esses antepassado tinha sido uma pessoa ilustre, como, por exemplo, um grande conquistador, ou um rei. Alguns nobres alegavam ter por antepassado comum um animal ou até mesmo uma planta.
Nas famílias nobres, o homem exercia autoridade sobre todos os membros: tinha poder para decidir se uma criança recém-nascida ficaria na casa ou seria rejeitada, julgava e punia os crimes cometidos na comunidade e podia possuir várias esposas.
♠ O destino das Crianças
A vida, a morte ou o abandono do recém-nascido dependiam da decisão do pai. Os nascido numa data ruim, os deficientes e os trigêmeos em geral eram condenados à morte ou abandono.
Após o nascimento, seguia-se um ritual. Isolava-se a criança em um quarto, onde ficava sem cuidados e alimentação por 3 dias. No terceiro dia, o pai decidia, então, o destino da criança. Se a decisão fosse vida, a criança era conduzida à presença da mãe para ser alimentado pela primeira vez.

♦ Os camponeses

A vida dos camponeses era regida pelas estações do ano. No verão, época das plantações, eles viviam no campo, habitando pequenas choupanas. No inverno, retiravam-se para as aldeias, onde esperavam a primavera, dedicando-se ao artesanato e preparando as festividades coletivas.
Os camponeses cultivavam as terras de seus senhores, com quem dividiam os frutos das colheitas. Cada família tinha o direito de cultivar uma parte do terreno para si. No centro da propriedade, ficavam as terras cuja produção destinava-se ao senhor.
Com o tempo, cresceram os setores intermediários da sociedade, representados principalmente por mercadores, funcionários do estado, artesãos e escribas. Na dinastia Chou, houve também uma grande expansão do número de escravos, formados por habitantes das aldeias conquistadas.
Veja outros posts do Artigo China. Segue o Link:
China Parte 1
China Parte 2
China Parte 3
China Parte 5
China Parte 6

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, antes de comentar siga nosso blog!
Somente usuários cadastrados terão pergunta respondidas pelo autor.